Leonilson

Leonilson Bezerra

José Leonilson Bezerra Dias foi pintor, desenhista e escultor. Com uma carreira curta e intensa, é hoje reconhecido como um dos principais nomes da arte contemporânea no Brasil. Nasceu no ano de 1957 em Fortaleza. Em 1961, mudou-se com a família para São Paulo. Estudou artes na Faap (Fundação Armando Alvares Penteado). Em 1981, fez sua primeira exposição no exterior, em Madrid. Na volta ao Brasil, em 1982, começou a delinear os principais traços de sua obra, que é marcadamente autobiográfica.

No verbete dedicado ao Leonilson na Enciclopédia do Itaú Cultural, a crítica Lisette Lagnado afirma que “cada peça realizada pelo artista é construída como uma carta para um diário íntimo”. Em 1985, o artista já alcançava reconhecimento, tendo exposto nas Bienais de São Paulo e Paris. Mais tarde, em 1991, Leonilson descobriu ser soropositivo. Em seus últimos anos de vida, afetado pela doença, seu trabalho sofreu uma inflexão: ganhou uma carga espiritual, intensa e ao mesmo tempo irônica, graciosa. Ele morreu em 1993, aos 36 anos.

Leonilson trabalhou com desenho e pintura no início de sua vida artística. Ele chegou a produzir ilustrações para o jornal “Folha de S.Paulo” e em seus últimos anos, a partir de 1989, também começou a trabalhar com bordados, que virou um traço marcante de sua produção.

Leonilson - quadro 1
Leonilson - quadro 2
Leonilson - quadro 3
Leonilson - quadro 4
Leonilson - quadro 5